Idéias para Páscoa!!!!

18 de março de 2010 às 1:37 | Publicado em Uncategorized | 1 comentário

Sugestões de peças rápidas ou teatro de fantoches:

Nunca Vi Coelho Botar Ovo

THIAGO: Coelhinho da páscoa que trazes pra mim: um ovo, dois ovos, três ovos assim? oi, Helem! Hoje é Páscoa! Você já ganhou muitos ovinhos?
HELEM: ai, Thiago, tudo bem? Eu ganhei um grandão.
THIAGO: Eu também, agora estou esperando os coelhinhos colocarem mais ovinhos. Tive que sair de perto deles. Acho que eles estão com vergonha de mim, e por isso ainda não colocaram ovos.
HELEM: Thiago, você pode ficar sentado esperando, porque em pé vai cansar. Nunca vi coelho botar ovo!
THIAGO: Coloca, sim!
HELEM: Não coloca, não! Eu também pensava que fosse o coelho.
THIAGO: E quem fez o nosso, então?
HELEM: A minha mãe disse que as casas de doce fazem os ovos e os embrulham num papel bem bonito
THIAGO: Eu não tinha pensado nisso.. Sempre achei que fosse o coelho. Ah! Agora você ficou muito sem graça. E por que o coelho foi escolhido para distribuir ovos se eles não colocam ovos? Por que não escolheram a galinha?
HELEM: Foi uma maneira que arrumaram de não, acabar com os costumes das antigas civilizações. Eles escolheram o coelho, porque é a única espécie de animal de fácil reprodução. É considerado símbolo da fertilidade e, como de cada ovo nascem vidas, juntos simbolizam a vida. Por outro lado, foi uma forma de o comércio continuar com a lenda de muitos anos atrás de presentear parentes e amigos com ovos. Mas o mais importante e o mais bonito da Páscoa não são os ovos.
THIAGO: Mais importante e o mais bonito? E o que é?
HELEM: o mais bonito é a história da Páscoa. Ela conta que Jesus Cristo deu a sua vida para nos salvar. Ele é o Cordeiro Pascal.
THIAGO: Eu não conheço essa história. Eu gosto muito de ouvir histórias. Conta pra mim, conta!
HELEM: Está bem, presta atenção! A primeira Páscoa aconteceu no Egito. Deus libertou das mãos malvadas de Faraó um povo hebreu que sofria como escravo. Ele mandou nove pragas para o povo egípcio, mas Faraó não deixou os hebreus irem embora.
THIAGO: E o povo hebreu também sofria com os egípcios?
HELEM: Não. Nada acontecia com o povo hebreu, só com os egípcios.
THIAGO: Que maravilha! Continua, continua!
HELEM: Deus tornou a falar: “Deixa sair o meu povo”, mas Faraó, com o coração duro, não obedeceu a Deus E aí, Deus ordenou ao povo hebreu que passasse sangue de um cordeiro nas vigas e nos umbrais das portas, porque naquela noite o anjo da morte tocaria em cada um dos primogênitos dos egípcios, e eles reconheceriam o poder de Deus e os libertariam.
THIAGO: E isso teve mesmo que acontecer, para que fossem libertos?
HELEM: Não teve jeito. Infelizmente existem pessoas que têm seus corações tão duros que querem medir forças com Deus. Então, só quando acontece alguma coisa grave reconhecem o seu poder.
THIAGO: E eles saíram livres?
HELEM: Sim, saíram. Os egípcios sofreram com a morte de seus filhos e deixaram o povo de Deus partir. Mas mesmo assim Faraó mandou um exército atrás dos hebreus para matá-los. E Deus os livrou, abrindo o mar para eles passarem a seco. Já pensou um grande mar se abrindo para a gente passar?
THIAGO: Um grande milagre
HELEM: Os egípcios que vinham atrás morreram todos afogados, pois o mar se fechou para aquele povo mau que não obedeceu a Deus. Morreram todos! E assim, eles comemoravam todos os anos a primeira Páscoa -a sua liberdade, lembrando a promessa de um Salvador.
THIAGO: Mas, Helem, por que Jesus é o Cordeiro Pasca!?
HELEM: Porque desde o início da criação, em que Adão e Eva haviam pecado, Deus tinha prometido enviar um Salvador, alguém que venceria Satanás e a morte. O nossos pecados seriam perdoados através dEle. Então Jesus seria o nosso Salvador, pois veio ao mundo para nos libertar. Deu a sua vida na cruz do Calvário, os comprou com o seu sangue precioso e nos resgatou das mãos do inimigo. E todo o poder lhe foi dado no céu e na terra.
THIAGO: Que amor tão grande de Jesus por nós de dar a sua vida para nos salvar!
HELEM: É, os inimigos de Jesus achavam que por Ele ter morri do ali, na cruz, tudo estava acabado. Muitos riram, caçoaram de Jesus e disseram: “Se tu és o Cristo, salva-te a ti mesmo”. Ele poderia sair dali e dar uma surra em cada um, mas quando ao terceiro dia Ele ressuscitou, màstrou a todos que era o mais poderoso e que ninguém poderia vencê-Ia.
THIAGO: Pobrezinho, teve que passar por tudo isso por nós!
HELEM: Sim, Ele não tinha nenhum pecado e morreu pelos’ nossos pecados. Existem pessoas que ainda não conhecem o verdadeiro sentido da Páscoa. Ainda não reconheceram Jesus como Salvador de suas vidas. Elas precisam saber que Jesus é o Cordeiro de Deus que tira os pecados do mundo e que para terlo seu nome escrito no Livro da Vida e morar no céu precisam aceitá-Ia como Salvador.
THIAGO: Eu quero aceitar Jesus na minha vida como meu Salvador, porque foi Ele quem deu a sua vida por mim.
HELEM: Muito bem, Thiago! Toda honra e toda glória têm que ser dadas ao único Salvador, Jesus Cristo. E que você nunca esqueça do significado da Páscoa.
THIAGO: Nunca vou me esquecer dessa linda história de amor de Jesus Cristo. Agora também vou passar a agradecer a Deus pelo que fez por mim.
HELEM: Que bom! Tchau, Thiago! Tenho que ir.
THIAGO: Tchau, Helem, obrigada! Até logo! Tchau!
Postado por EVANGELISMO INFANTIL às 17:46

Uma Aventura na Páscoa
Nesta história os três, Disci, Pulu e zinho divertem e animam a plateia, enquanto aproveitam pra falar sobre o significado da páscoa.

É uma ótima apresentação para ser feita com fantoches!

OS TRÊS – Bom dia! Em Deus faremos proezas!
DISCI – Sou a Disci, uma menina muito feliz.
Que faz sempre a lição
E a verdade sempre diz.
E com um lindo sorriso..
PULU – Vive comendo giz!!! (gargalhadas)
DISCI – Sem graça…
PULU – Brincadeirinha…
ZINHO – Zinho é o meu nome,
Gosto muito de estudar.
Faço tudo com carinho e dedicação.
PULU – Mas tem um furo no meio do calção! (gargalhadas)
ZINHO – Pulu!
PULU – Brincadeirinha… Eu sou Pulu. Amo Jesus e meus irmãos,
Leio sempre a Bíblia
E sou muito feliz…
DISCI E ZINHO – Mas vive metendo o dedo no nariz… (gargalhadas)
PULU – Não vale! Não vale!
DISCI – Vejam! Quantas crianças!
PULU – Uma mais linda que a outra!!! E aí? Tudo em cima?
ZINHO – É muito bom estar aqui na Igreja de Crianças…
DISCI – A festa hoje está linda!
PULU – Você disse festa? Cadê o Bolo?
DISCI E ZINHO – Pulu!
PULU – Foi mau…
ZINHO – Estamos comemorando a Páscoa!
PULU – Será que horas que vão trazer os ovos de chocolate? Eu quero um ovo bem grandão!
DISCI – Pulu, não acredito, você ainda não sabe o verdadeiro sentido da Páscoa?
PULU – Sei, ou melhor, mais ou menos.
ZINHO – O faraó estava com seu coração endurecido e escravizava o povo de Deus. Através de Moisés, Deus enviou 10 pragas para os egípcios. A décima praga foi a morte dos primogênitos.
DISCI – O faraó deixou o povo ir embora do Egito. Os primogênitos do povo de Deus não foram mortos, pois Deus mandou que o povo passasse sangue de um cordeiro nos umbrais das portas, para protege-los do anjo da morte.
ZINHO – O sangue de Jesus, também nos livrou da morte. Ele é o Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo. Isso é páscoa! A festa que lembra esses acontecemientos, a libertação do povo de Deus através do sangue do cordeiro. A nossa libertação pela morte e ressurreição de Jesus!
PULU – Que lindo turma! Como Deus é maravilhoso! Eu amo Jesus! Como é que a páscoa foi virar coelho botando ovo de chocolate? Que absurdo!
DISCI – Jesus morreu pelos nossos pecados.
ZINHO – E ressuscitou ao terceiro dia. Hoje é dia de Festa!
PULU – Você disse festa? Cadê o bolo?
DISCI E ZINHO – Pulu!
PULU – Foi mau. Nesta semana, eu quero falar pra todos meus amiguinhos sobre o verdadeiro sentido da páscoa, tenho muitos que ainda não sabem.
ZINHO – Eu também…
DISCI – Zinho, eu tenho uma dúvida, é pecado então comer o ovo de chocolate? Eu ganhei um ovão do meu tio, o que faço com ele?
PULU – Pode me dar essa parada, morô? Eu sei o que fazer com ele…
ZINHO – Não Disci, não é pecado. Você pode come-lo, pecado é trocar o verdadeiro sentido da páscoa por ovo de chocolate. Não precisa jogar o ovo fora, mas não se esqueça de ensinar seu tio o que é a páscoa, ok?
PULU – É o seguinte, pintou um lance aí… precisamos ir.
DISCI – É Verdade, a festa precisa continuar.
PULU – Você disse festa? Cadê o bolo?
DISCI E ZINHO – Pulu!
PULU – Foi mau!
ZINHO – Gente, foi um prazer estar aqui com você…
DISCI – Um grande beijo da turma dos Discipulozinhos.
PULU – E não se esqueçam!
OS TRÊS – Em Deus faremos proezas!
Em Deus faremos proezas!
Em Deus faremos proezas!
Fonte:http://www.teatrocristao.net/texto/discipuluzinhos_em_uma_aventura_na_pascoa

(Essa é a Minha escolhida pra contar aos meus alunos! vamos usar as imagens no data show, mas vc pode imprimir e usar como quiser!)
LAMBI – Uma história de liberdade

(Baseado em Êxodo 12)

História extraída da revista argentina “El puentecito”. Ilustrada no Photoshop pela Pra Gabriela Pache de Fiúza. Dedico esta história a MIGUEL GOMES e a querida TELMA TAVARES, dois amados seguidores do nosso blog.

Figura 1

Josué era um menino Israelita, morava no Egito com a sua família como escravo. Todo Israel esperava a libertação vinda do Senhor.
Ele sentava na calçada esperando o pai voltar para brincar, mas quando via ele chegar cansado sabia que de novo não brincaria. Mas ele se consolava com o seu cordeirinho Lambi, seu grande amigo. Josué só tinha Lambi.

Figura 2

Chegando à noite o pai disse para a família
-Fiquei sabendo que Moises vai falar com Faraó, ele vai pedir para que Faraó deixe Israel ir adorar a Deus.
Toda a família recebeu a noticia com medo, pois sabiam que Faraó era um senhor terrível e dificilmente os libertaria.

Figura 3

Depois dessa conversa, enquanto Josué ajudava sua mãe com a louça, começou a pensar o que esperaria por ele daí alguns anos. Josué era o primogênito da família, ou seja, o primeiro filho, e logo deveria trabalhar duro como escravo. Isso o entristecia muito.

Figura 4

Passados uns dias Moises convocou os homens Israelitas, e disse que essa seria a noite da libertação, e que todas as famílias de Israel deveriam seguir as instruções que Deus dera.
Os homens ficaram muito felizes e se dispuseram obedecer a Palavra de Deus.

Figura 5

De noite, Josué viu seu pai com um certo nervosismo, e ainda por cima de faca na mão saindo de casa. Josué decidiu segui-lo. E para sua surpresa, viu que seu pai estava indo direto para o curral pegar Lambi, seu cordeirinho.
Josué deu um grito de desespero.
- Não pai!!! esse é o meu cordeirinho!!! ele é meu amigo!!! O que o Senhor vai fazer com ele?
-Meu filho, esse é o melhor cordeirinho que nós temos para ser oferecido em sacrifício; ele não tem nenhum defeito. Deve ser este. Sinto muito meu filho.

Figura 6

O pai não duvidou nem por um momento, e matou Lambi.
-Por quê papai? Por que o senhor fez isso? – perguntava Josué para seu pai.
-Meu filho, o cordeiro morreu para salvar a sua vida e a nossa.
Josué não estava entendendo nada do que seu pai falava.

Figura 7

Então o pai pegou o sangue do cordeiro e passou no umbral da porta da casa. E falou:
-A morte passará esta noite pelas casas do Egito, mas não entrará onde estiver passado o sangue do cordeiro.

Figura 8

Cada pai das famílias Israelitas fez a mesma coisa naquela noite. E todos comeram a PASCOA, o cordeirinho sacrificado. Todos estavam vestidos e preparados para sair de viagem.
Enquanto isso, a família orava ao Senhor; e Josué pensava em todos os fatos ocorridos.
-Lambi, você foi morto por mim? Será que seu sangue vai me salvar de verdade da morte e me trazer liberdade?

Figura 9

Mas, a meia noite, do jeito que Deus tinha falado pelo seu servo Moisés, a morte passou por sobre todos os primogênitos do Egito. Pessoas e animais. Em cada casa podia-se ouvir lamentos e prantos.
-Porque aconteceu isso com a gente? Porque os nossos deuses não impediram esta mortandade? – era o clamor dos egípcios.

Figura 10

Mas entre o povo de Israel tudo era muito diferente. Deus tinha guardado em paz e dado muita alegria a todos. O sangue do cordeiro tinha salvado os primogênitos. Todos estavam muito agradecidos a Deus.

Figura 11

Desesperado Faraó chamou Moisés e tomou por fim a grande decisão de deixar o povo de Israel ir e servir ao Senhor Deus.
-Vão de uma vez! Agora! Vão e sirvam ao seu Deus! –disse Faraó muito irado.

Figura 12
Todos os egípcios fizeram a mesma coisa, eles entregaram seus bens, roupas, gado, ouro, jóias, tecidos para os Israelitas. Os Egípcios ficaram com muito temor e deram a liberdade a todos os escravos. Agora eles eram livres, e já estavam prontinhos para sair. Tudo tinha acontecido como Deus tinha falado ao seu servo Moises.

Figura 13

Josué e todo o povo entenderam que graças à morte do cordeiro, eles tinham sido salvos e livres da opressão e do jugo de Faraó. Essa foi a primeira páscoa.
-Querido Lambi, nunca esquecerei que a sua morte me deu a vida!! –falou agradecido Josué.

Aplicação:
Esta é a historia da primeira páscoa. Os israelitas tiveram que derramar o sangue do cordeiro nas ombreiras e vergas das portas. Naquela noite, o primogênito de cada casa seria morto onde não houvesse sangue.
Vejamos João 1:29 Quem foi chamado de Cordeiro de Deus que tira o pecado do mundo?
Sim, Jesus! O sangue de Cristo foi derramado na cruz pelos nossos pecados. Nós éramos escravos do pecado destinados à morte. Mas, o Senhor Jesus Cristo morreu por todos, e derramou o Seu sangue por todos os pecadores, para que sejamos livres da morte, assim como os israelitas.
Porque Jesus é chamado de “Jesus a nossa Páscoa”? Porque assim como Lambi, ele morreu para que possamos viver!
Que poder tem o sangue de Jesus? 1 João 1:7
Assim como os Israelitas, para sermos salvos devemos crer que o sangue de Jesus, nosso cordeiro, é capaz de nos limpar de toda condenação e pecado. E depois de termos fé, depois de termos crido, devemos confessá-lo como nosso Senhor.
Certamente éramos escravos do pecado, mas fomos libertos da escravidão para vivermos uma nova vida. Cristo é quem nos liberta da escravidão do pecado.
A páscoa então era aquela ceia dos Israelitas antes da libertação. Jesus depois instituiu a nova páscoa. Nós celebramos a ceia que relembra Cristo, o nosso cordeiro pascal. Jesus é a nossa páscoa. E o mais maravilhoso é que Jesus não permaneceu morto, mas ao terceiro dia ressuscitou dentre os mortos! Ele está vivo e quer morar no seu coração.

E você amiguinho, quer receber Jesus, o cordeiro, no seu coração? Você quer entregar a sua vida a Jesus e passar em sua vida o Seu sangue que purifica e limpa de todo pecado? Você quer se alegrar nesta páscoa recebendo a liberdade e a salvação da morte?

About these ads

1 comentário »

Feed RSS para comentários sobre este post. TrackBack URI

  1. Amei seu blog me ajudou muito obrigado. Deus abençõe
    Irmã Márcia Passinho


Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

Blog no WordPress.com. | O tema Pool.
Entries e comentários feeds.

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

%d blogueiros gostam disto: